Um dia depois do Natal no Japão.

O dia que segue o Natal no Japão é um tanto quanto estranho. 

Todos sabemos que o Natal não tem grande significado para a maioria dos japoneses e, embora nos últimos anos tenha-se visto um aumento nos ornamentos natalinos pelas cidades, especialmente em grandes shoppings, por aqui a data não é nada mais que um “segundo dia dos namorados” (pelas palavras de um japonês). 

Com a absoluta maioria da população sendo de orientação religiosa xintoísta e budista, o Natal é apenas mais uma data comercial, emprestado do ocidente, onde troca-se presentes e compartilha-se os famosos “bolos de natal”.

Mesmo depois de 5 anos morando no arquipélago, é um pouco confuso ver que já no dia 26 de dezembro não se tem qualquer sinal das árvores de Natal e enfeites que até o dia anterior enchiam de pompa e iluminavam certas partes da cidade!